‘Moonlight’ atrai os holofotes e leva maior premiação do cinema para casa

Os olhos, principalmente dos críticos e dos mais cinéfilos, estavam voltados para Hollywood na noite desse domingo (26), na celebração da 89ª edição do Oscar. Muitos organizaram torcidas para acompanhar seus favoritos (como é o nosso caso), afinal, nem está rolando carnaval quando se trata da maior premiação do cinema, não é mesmo?

Com muitas celebridades, glamour no tapete vermelho e críticas políticas, o evento apresentado por Jimmy Kimmel foi marcado por uma gafe histórica justamente no anúncio da última categoria: melhor filme. Os atores Faye Dunaway e Warren Beatty, mundialmente conhecidos por interpretarem Bonnie e Clyde e responsáveis por aclamar o vencedor da noite, receberam o envelope errado, contendo o nome da ganhadora de melhor atriz: Emma Stone, por La La Land – Cantando Estações, filme favorito para abocanhar o prêmio. O erro foi pronunciado e reparado momentos depois, com todo o elenco do musical no palco atônito e chamando pela equipe do real vencedor da categoria: Moonlight: Sob a Luz do Luar, que não parecia acreditar no reconhecimento da Academia.

Além de melhor filme, a produção poética que conta a trajetória de um menino da periferia de Miami e sua transformação faturou o prêmio de melhor roteiro adaptado e melhor ator coadjuvante para Mahershala Ali, o primeiro ator muçulmano (também negro) da história a receber o Oscar.

La La Land, indicado a 14 categorias conquistou seis: melhor atriz, música original (“City of Stars”), trilha sonora, fotografia (que não era o favorito), design de produção e diretor para Damien Chazelle, que se tornou o cineasta mais jovem a ganhar o Oscar de melhor diretor, com apenas 32 anos.

Os destaques da noite continuaram nas principais categorias: Casey Affleck levou o Oscar de melhor ator por Manchester à Beira-mar (meu favorito dos nove indicados a melhor filme), que também faturou roteiro original. Viola Davis ( rainha soberana!) fez o discurso mais emocionante da premiação ao receber a estatueta de melhor atriz coadjuvante, por seu papel em ‘Um Limite Entre Nós’.

A noite também foi marcada por protestos contra o presidente americano Donald Trump. O ator Gael Garcia Bernal declarou durante a apresentação de um dos prêmios: “Como mexicano, como latino-americano, como imigrante trabalhador, sou contra qualquer muro que nos separe”. O longa iraniano O Apartamento ganhou como melhor filme estrangeiro e o diretor Asghar Farhadi não compareceu a cerimônia. Em uma carta lida por uma representante, Asghar agradeceu à Academia e justificou a ausência “em respeito aos imigrantes banidos dos Estados Unidos”.

O sírio Khaled Khateeb, um dos diretores do documentário vencedor de melhor curta-metragem, Os Capacetes Brancos, foi impedido de comparecer à cerimônia porque teve sua entrada nos Estados Unidos negada pelo serviço de imigração.

Amy Adams, que não foi indicada à nenhuma categoria e deveria por seu trabalho em Animais Noturnos e também por sua interpretação em A Chegada roubou a cena entre as mais bem vestidas da noite e também por surpresas da premiação. Assim como o carismático e querido Leonardo DiCaprio, ela só foi vista quando subiu ao palco.

Halle Berry e seu cabelo natural (maravilhoso!), Scarlett Johansson com um corte de cabelo ousado e Meryl Streep (bom, é a Meryl, mãe das divas!) também ficaram entre as mais comentadas nas redes sociais, principalmente por causa dos modelitos.

Lista Completa de Vencedores do Oscar 2017


Melhor Filme

  • Até o Último Homem (Hacksaw Ridge)
  • A Chegada (Arrival)
  • Estrelas Além do Tempo (Hidden Figures)
  • Lion – Uma Jornada Para Casa (Lion)
  • Manchester À Beira-Mar (Manchester by the Sea)
  • Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • Um Limite Entre Nós (Fences)
  • La La Land – Cantando Estações (La La Land)
  • A Qualquer Custo (Hell or High Water)

 

Melhor Direção

  • Damien Chazelle, La La Land – Cantando Estações
  • Dennis Villeneuve, A Chegada
  • Mel Gibson, Até o Último Homem
  • Barry Jenkins, Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • Kenneth Lonergan, Manchester À Beira-Mar


Melhor Ator

  • Casey Affleck, Manchester À Beira-Mar
  • Andrew Garfield, Até o Último Homem
  • Viggo Mortensen, Capitão Fantástico (Captain Fantastic)
  • Denzel Washington, Um Limite Entre Nós
  • Ryan Gosling, La La Land – Cantando Estações


Melhor Atriz

  • Isabelle Huppert, Elle
  • Ruth Negga, Loving
  • Natalie Portman, Jackie
  • Emma Stone, La La Land – Cantando Estações
  • Meryl Streep, Florence – Quem é Essa Mulher?


Melhor Atriz Coadjuvante

  • Viola Davis, Um Limite Entre Nós
  • Naomie Harris, Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • Nicole Kidman, Lion – Uma Jornada Para Casa
  • Octavia Spencer, Estrelas Além do Tempo
  • Michelle Williams, Manchester À Beira-Mar


Melhor Ator Coadjuvante

  • Mahershala Ali, Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • Jeff Bridges, A Qualquer Custo
  • Lucas Hedges, Manchester à Beira-Mar
  • Michael Shannon, Animais Noturnos (Nocturnal Animals)
  • Dev Patel, Lion – Uma Jornada Para Casa


Melhor Roteiro Original

  • A Qualquer Custo
  • La La Land – Cantando Estações
  • The Lobster
  • Manchester À Beira-Mar
  • 20th Century Women

 

Melhor Roteiro Adaptado

  • Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • A Chegada
  • Um Limite Entre Nós
  • Lion – Uma Jornada Para Casa
  • Estrelas Além do Tempo


Melhor Música Original

  • “Audition (The Fools Who Dream)”, La La Land – Cantando Estações
  • “Can’t Stop the Feeling”, Trolls
  • “City of Stars”, La La Land – Cantando Estações
  • “The Empty Chair”, Jim: The James Foley Story
  • “How Far I’ll Go”, Moana


Melhor Fotografia

  • A Chegada
  • Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • La La Land – Cantando Estações
  • Silence
  • Lion – Uma Jornada Para Casa


Melhor Documentário de Curta-Metragem

  • Extremis
  • 41 Miles
  • Joe’s Violin
  • Watani: My Homeland
  • Os Capacetes Brancos


Melhor Documentário de Longa-Metragem

  • Fire at Sea
  • I Am Not Your Negro
  • Vida, Animada
  • OJ: Made in America
  • A 13ª Emenda

 

Melhor Figurino

  • Aliados
  • Animais Fantásticos e Onde Habitam
  • La La Land – Cantando Estações
  • Jackie
  • Florence: Quem é Essa Mulher?


Melhor Edição de Som

  • A Chegada
  • Horizonte Profundo
  • Até o Último Homem
  • La La Land – Cantando Estações
  • Sully: O Herói do Rio Hudson


Melhor Mixagem

  • A Chegada
  • Até o Último Homem
  • La La Land – Cantando Estações
  • Rogue One: Uma História Star Wars
  • 13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi – (Indicação cancelada)


Melhor Maquiagem e Penteado

  • Esquadrão Suicida
  • Star Trek: Sem Fronteiras
  • A Man Called Ove


Melhor Curta-Metragem Animado

  • Blind Vaysha
  • Borrowed time
  • Pear Cider and Cigarettes
  • Pearl
  • Piper


Melhor Animação

  • Kubo e a Espada Mágica
  • Moana – Um Mar de Aventuras
  • Minha Vida de Abobrinha
  • Zootopia
  • A Tartaruga Vermelha


Melhor Edição

  • A Chegada
  • Até o Último Homem
  • A Qualquer Custo
  • La La Land – Cantando Estações
  • Moonlight – Sob a Luz do Luar


Melhores Efeitos Visuais

  • Horizonte Profundo
  • Doutor Estranho
  • Mogli: O Menino Lobo
  • Kubo e a Espada Mágica
  • Rogue One: Uma História Star Wars


Melhor Design de Produção

  • A Chegada
  • Animais Fantásticos e Onde Habitam
  • Ave César!
  • La La Land – Cantando Estações
  • Passageiros


Melhor Filme Estrangeiro

  • Land of Mine (Dinamarca)
  • A Man Called Ove (Suécia)
  • The Salesman (Irã)
  • Tanna (Austrália)
  • Toni (Alemanha)


Melhor Trilha Sonora

  • Jackie
  • La La Land – Cantando Estações
  • Lion – Uma Jornada Para Casa
  • Moonlight – Sob a Luz do Luar
  • Passageiros

One Comment

  1. Pingback: Quando a vida transforma a sensibilidade em dureza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *